Faça ótimas fotos de imóveis com essas 5 dicas, e venda ainda mais!

Um dos pontos chaves do setor imobiliário, principalmente por meio da internet, é a divulgação bem-feita e que ressalta para o público todos os pontos altos que o imóvel pode ter. Por isso, entender como produzir imagens de qualidade é essencial.

Se o objetivo é fazer a empresa se destacar, não deixe de conferir as nossas 5 dicas para fazer ótimas fotos de imóveis que trazemos neste post. Boa leitura!

1. Invista em um bom equipamento

O primeiro passo para conseguir fotos de imóveis de alta qualidade é investir em um equipamento à altura. Evite usar celulares, câmeras muito simples ou outros dispositivos que possam apresentar perda de qualidade na hora de capturar a imagem.

As câmeras DSLR — que possuem a opção de trocar as lentes — são as mais indicadas para conseguir fotografias capazes de demonstrar as melhores características dos imóveis. Embora elas possam alcançar preços exorbitantes, um modelo de entrada, combinado a uma lente 50 mm com uma boa abertura, já é capaz de apresentar um ótimo resultado.

2. Faça muitas fotos de imóveis

Na hora de escolher e tratar as imagens produzidas, pode acontecer de se notar que a captura não ficou da maneira que deveria. Além de frustrante, isso cria a necessidade de se dirigir até o local para fazer novas fotos.

Para que isso não aconteça, aproveite da velocidade obturador das câmeras de alta qualidade e dispare quantas vezes for necessário. Há sempre o risco de algo dar errado e não ter mais de uma opção é uma péssima ideia — passível de prejuízo, inclusive. E, claro, tenha sempre um backup dos seus arquivos.

3. Evidencie os melhores ângulos

Todo edifício tem um ambiente ou espaço que é o mais chamativo para interessados. Piscinas amplas, garagens espaçosas, áreas de lazer, cômodos arejados e outros locais podem ser o ponto de partida ideal para começar a fazer fotos de imóveis que atraiam seus clientes.

Inovação é a palavra de ordem nesta fase da produção de imagens: prefira ângulos que mostrem de maneira irreverente as qualidades dos cenários fotografados. Capturar a vista da janela de um quarto principal, por exemplo, pode ser um diferencial para o seu público.

4. Mantenha suas fotos sempre na horizontal

Escolher o plano adequado para as fotos de imóveis é fundamental para poder transmitir todo o potencial daquele espaço. Além de dar margem para que os compradores vislumbrem mais detalhes do local, imagens nessa orientação são capazes de gerar mais imersão aos espectadores.

Tenha sempre em mente que, na arquitetura, as linhas retas devem se manter retas, e isso vale também para a fotografia. Portanto, opte por lentes que capturem mais detalhes, mas fuja das estilo olho de peixe ou qualquer outro tipo que possa arredondar os ângulos.

5. Aproveite da luz da manhã

A fotografia é a arte de escrever com a luz, e o sol é, obviamente, o melhor recurso natural que temos para o processo de grafia das imagens. Sendo assim, a escolha do horário é importantíssima para conseguir fotos mais iluminadas e suaves.

Sempre que possível, evite fotografar com a luz dura — aquela que está atingindo diretamente o objeto, resultando em sombras muito nítidas e marcadas —, comum ao período da tarde.

O ideal é contar sempre com os primeiros raios de sol para poder fazer suas fotos de imóveis, pois a manhã traz consigo a luz suave, responsável por sombras difusas, sem contornos pesados.

Não há segredo para produzir boas imagens: tudo depende do olhar do fotógrafo, aliado a um equipamento adequado, e de um pouco de técnica. Conhecer estas dicas é o primeiro passo para aumentar a qualidade das suas ações de divulgação de imóveis.

Conhecia alguma das dicas que trouxemos neste post sobre fotos de imóveis? Tem alguma dúvida ou sugestão? Então, não saia do blog sem deixar o seu comentário e participe da nossa discussão.

 

Compartilhar

QUER RECEBER AS ÚLTIMAS NOVIDADES PARA O MERCADO IMOBILIÁRIO? INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here