O abril que vai para a história

Nosso parceiro para o BANCO DIGITAL, que oferecemos em nossos Sistemas, o ZOOP, do grupo MOVILE, IFOOD E ITAÚ, anuncia um aporte de 1 bilhão de reais em antecipações e créditos aos restaurantes conveniados, na operação do IFOOD.

Isto demonstra para nós a solidez e segurança que temos nestas operações bancárias e financeiras, hoje utilizada por grande parte dos nossos clientes.

Nestes momentos difíceis, sabermos que estamos ao lado de parceiros como estes, nos reconforta e tranquiliza, dentro do possível, e dentro deste cenário de incertezas.

A importância da entrega digital

A entrega digital neste momento é fundamental e indispensável, locatários, condôminos, proprietários e síndicos acessando suas plataformas e aplicativos, pagando seus boletos, emitindo seus extratos e demonstrativos, é a alma dos nosso negócios hoje, com as portas fechadas e nós em casa numa quarentena com prazos incertos.

A SAMI precisa neste momento da compreensão de todos os clientes, do entendimento do que é prioridade, do que precisamos realmente manter no ar.  Com funcionários inseguros, ou prestadores estratégicos sem receber, não conseguiremos vencer esta guerra, que sim, é de todos nós.

Farmácias e supermercados não estão dando nada a ninguém, as coisas não estão de graça para nenhum de nós, especialmente, neste caso, para as pessoas que deixam todos estes serviços no ar, e falo da cadeia inteira, de provedores, atendentes a programadores. Neste momento, a segurança deles, é a segurança da única coisa que nos resta, para além da porta fechada de nossos negócios.

Precisamos fazer nossa parte

Precisamos fazer nossa parte, não só as grandes empresas, bancos e o governo.

Não é hora de mantermos reservas ou poupança, com medo do futuro, é hora de usá-las, quem tiver, inclusive pessoais, para pagar nossos fornecedores e prestadores, possibilitando um mínimo de funcionamento em todos os seguimentos. O caos interessa para quem?

Não poderemos contar com o governo para tudo, não teremos tudo do poder público, dos bancos ou autarquias, muito menos a tempo de salvar nossos negócios do fim, e a conta para todos virá depois, de qualquer maneira.

Não depende só destas entidades, consciência, responsabilidade e maturidade para todos neste momento é fundamental.

O abril que nos aguarda, incerto e para os fortes, vai para a história

Teremos um abril que irá certamente para a história, nossas decisões farão a diferença para a vida, para a economia e para nosso futuro!

O mundo não será mais o mesmo após esta crise, modelos de trabalho home office, eventos virtuais, a necessidade que temos de consumo hoje, nossa consciência mudará por completo após esta pandemia.

Turismo de consumo, o consumismo em si, e muitas outras coisas que fazem parte da nossa cultura hoje, certamente não terão mais a mesma força.

Estamos tomando, em casa, uma dose forte de reflexão sobre a importância disto tudo em nossas vidas.

Ao mesmo tempo que temos este tempo de reflexão e medo, incerteza e esperança, necessitamos de determinação, entender que estamos numa guerra contra um inimigo invisível, e não uns contra os outros, e que precisamos de paz e serenidade para enfrentar o que vem por aí.

Sobreviverão os fortes e corajosos, com iniciativa, atitude, e sem medo do futuro, resolvendo um dia de cada vez, com integridade e honra.

E, para todos nós, especialmente, SAÚDE!

Compartilhar

QUER RECEBER AS ÚLTIMAS NOVIDADES PARA O MERCADO IMOBILIÁRIO? INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER