Como funciona o seguro que substitui o fiador?

Nos dias de hoje, as pessoas que querem alugar algum imóvel encontram muitas dificuldades para encontrar um fiador, e nem sempre conseguem. Mas e aí, o que fazer? Para ajudar você e responder a essa e outras perguntas, hoje vamos falar um pouco sobre o seguro que substitui o fiador.

Neste post você entenderá como o Seguro Fiança funciona, quais são as vantagens para o inquilino e quais benefícios o proprietário do imóvel tem quando opta por esta garantia de recebimento do aluguel.

As outras formas de garantia

Com a mudança da Lei do Inquilinato, a opção por fiadores vem perdendo espaço no cenário atual. Em certas situações, o fiador pode ser exonerado do pagamento dos alugueis atrasados, ficando então o locatário a mercê do inquilino. Além do mais, só são pagos os valores atrasados no final do acerto quando o seguro é feito, só então o locatário começa a receber sem ter que esperar mais tempo para isso. Segundo o STF, quando o fiador é acionado para pagamento de alugueis atrasados, se ele tem apenas um imóvel ele não pode ser penhorado, por isso a exigência de ter mais de um imóvel no nome para ser fiador, o que acaba dificultando ainda mais para quem precisa alugar. 

Outra modalidade de garantia conhecida é a de caução, que por lei, aceita apenas 3 meses de aluguel como garantia. No fim das contas, também não é uma opção vantajosa, pois é insuficiente para cobrir todas as despesas. 

Além do mais, é importante ressaltar que em ambas as modalidades todos os custos processuais ficam por conta do proprietário.  

Como funciona o Seguro Fiança

Para solucionar esse problema e tomar o lugar destas outras modalidades de garantia chega o Seguro Fiança. Essa modalidade é uma ferramenta muito útil para a garantia de recebimento dos alugueis. Ela pode ser contratada através de uma apólice de seguro, em que o inquilino fica garantido pela seguradora e o proprietário fica como o único beneficiário do seguro.

Os valores das apólices de seguro são muito variáveis de seguradora para seguradora, mas em média estão em 1,2 alugueis. É importante salientar que mesmo não havendo um acordo entre as partes em relação aos alugueis vencidos, a apólice de seguro garante o pagamento até ocorrer este acordo. Quando o inquilino se torna inadimplente após o segundo mês, é feita a comunicação para a seguradora. A partir daí, o proprietário começa então a receber os valores que lhe são devidos.

Benefícios do seguro para o inquilino

O Seguro Fiança traz muitos benefícios para o locatário, além de garantir os alugueis. Algumas seguradoras cobram de forma opcional a contratação que não é incluída no seguro, como a cobertura para estragos feitos pelo inquilino no imóvel  locado. Podem ser contratados também serviços emergenciais, como: chaveiro, eletricista, encanador. Também é possível incluir despesas de condomínio e IPTU, despesas judiciais necessárias para a resolução do litígio ou para agilidade na aprovação do cadastro. Ainda, pode-se parcelar o prêmio e podem ser concedidos descontos progressivos na renovação do seguro.

Vantagens para a imobiliária

Não podemos esquecer que a imobiliária também tem muitas vantagens com o Seguro Fiança. A análise do cadastro é feita pela seguradora, eliminando o risco da imobiliária aprovar um cadastro que não seja bom. Todos os trâmites de documentos são feitos por corretores especializados, evitando assim, as despesas que seriam custeadas pela imobiliária. E o primordial: a garantia de receber os aluguéis e as taxas referentes da administração do imóvel. 

Amparo legal do Seguro Fiança

As diretrizes do Seguro Fiança foram estabelecidas pela Resolução nº 202 de 2008, do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP). O Seguro Fiança abrange os imóveis urbanos residenciais, comerciais e os não residenciais, consultórios, lojas. A seguradora cobre todos os valores gastos com o processo e total de valores atrasados, mas eles são reembolsados posteriormente pelo inquilino.

Uma das principais exigências feita pela seguradora é que o inquilino deve comprovar a renda de três a quatro vezes o valor do imóvel a ser lançado. Porém, algumas seguradoras são flexíveis nesse quesito e aceitam a composição da renda, permitindo que seja usada de mais pessoas, mesmo que estas não vão morar no imóvel.    

Nós da Sami Sistemas disponibilizamos dentro dos nossos sistemas a opção do Seguro Fiança, em parceria com a Porto Seguro. Nele é possível fazer a cotação e o cadastro do inquilino, que é aprovado em pouco tempo. Oferecemos assim comodidade e segurança  para a imobiliária. Além de todos os benefícios que uma apólice oferece, a imobiliária também pode ser comissionada em até 50% da comissão dos seguros feitos dentro do Sami ERP e Samiloca. Seja disruptivo, venha fazer parte do novo, venha ser SAMI!

Compartilhar

QUER RECEBER AS ÚLTIMAS NOVIDADES PARA O MERCADO IMOBILIÁRIO? INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here