Qual a importância da emissão de nota fiscal eletrônica para sua empresa?

A nota fiscal é muito importante para o consumidor e para a sua empresa. No entanto, atualmente, ela normalmente é vista mais como um trabalho do que como uma ferramenta. Na sua imobiliária a emissão desse comprovativo ainda é um problema?

Neste post vamos mostrar como emitir nota fiscal de modo eficiente e garantir o sucesso dessa operação. Acompanhe!

Por que a emissão de nota fiscal é importante?

Após a transação de venda de um produto ou da prestação de um serviço, a nota fiscal deve ser emitida por ser um recibo obrigatório. Ela é um documento legal e serve para o recolhimento de impostos. A sua não emissão caracteriza sonegação fiscal e a sua empresa pode sofrer as consequências dessa violação.

Por isso, é fundamental que o consumidor esteja acostumado a solicitar a nota em qualquer transação. De qualquer modo, essa é uma obrigação de toda empresa.

Assim, é indispensável que o gestor estruture esse serviço dentro do fluxo de trabalho da organização. Mas como fazer isso?

Como a nota fiscal deve ser emitida?

A nota fiscal é um comprovante de que um serviço foi prestado ou um produto foi vendido. Para que ela cumpra seu valor legal, deve conter todas as informações referentes à transação que documenta.

Imagina ter que digitar todos os dados da transação, imprimir duas cópias, entregar uma ao cliente e levar a outra até o contador todas as vezes que um serviço for feito? Todo esse trabalho pode atrasar muito o trabalho e comprometer a eficiência das vendas e até de outros setores da empresa.

Atualmente, a nota fiscal eletrônica (NF-e) é o recibo utilizado. Muito mais prático e ágil, a NF-e é feita pela internet. Portanto, basta que a imobiliária desenvolva um modo seguro de guardar esses arquivos.

Um software de gestão pode auxiliar?

Mesmo com o uso da NF-e, um software de gestão agiliza e facilita todo o processo. O software gera automaticamente o arquivo que é enviado à prefeitura.

Por isso, contar com um software que automatize a emissão das notas é outra grande dica para conseguir transformar essa obrigação em um benefício para a empresa. Veja alguns benefícios:

  • oferecer um atendimento rápido e competente ao cliente;

  • garantir mais agilidade e menos papel na empresa;

  • cumprir a legislação e reafirmar o compromisso com o cliente;

  • ter clientes e colaboradores mais satisfeitos com o trabalho;

  • não comprometer o andamento do fluxo interno de serviços.

Na prática, como implementar esse serviço na minha empresa?

A emissão das notas é obrigatória, mas não deve ser encarada como um encargo. Ela é necessária para a contabilidade da sua empresa e precisa ser emitida por um profissional capacitado para essa função, devido à importância desse documento.

Para isso, automatizar a emissão de nota com um software de gestão é uma excelente dica. É uma forma de registrar e analisar dados facilmente. Com ela, os profissionais de contabilidade podem acessar as notas diretamente no computador e executar seu trabalho com mais precisão e em menos tempo.

Você ainda tem dúvidas sobre a emissão de nota fiscal? Entre em contato com a Sami e veja como podemos ajudar!

 

Compartilhar

QUER RECEBER AS ÚLTIMAS NOVIDADES PARA O MERCADO IMOBILIÁRIO? INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here