Portaria online: como otimizar o controle de acessos no seu condomínio

Hoje o assunto é portaria online: você sabe como funciona? O controle do acesso da portaria de prédios de grande circulação acaba sendo um desafio para administradoras e síndicos que buscam na tecnologia uma forma de registrar, identificar e controlar todas as pessoas que entram e saem do prédio.

Claramente, a principal finalidade é de trazer segurança a proprietários de apartamentos em prédios residências e de salas, conjuntos e escritórios de prédios comerciais em que, além das pessoas que moram ou trabalham nestes locais, circulam funcionários terceirizados, prestadores de serviços e clientes.

A entrega de correspondências e encomendas que chegam também precisam passar por triagem e ser distribuída para todos os seus destinatários que as esperam. Este controle também precisa ser rígido e bem distribuído principalmente em grandes edifícios com centenas de unidades.

A importância do controle de acesso na portaria

A portaria é o ponto chave para o bom funcionamento de qualquer edifício e requer que a segurança neste local seja cada vez mais aprimorada, procurando reduzir o acesso a pessoas mal intencionadas e o risco de roubos, assaltos e qualquer problemas causado por pessoas que entram e saem do prédio.

Para isso, o primeiro ponto é ter porteiros experientes e preparados para estar em alerta quanto a todas as pessoas que circulam, sabendo identifica-las e controlar a entrada e saída de todos. Este porteiro deve ter seu foco na segurança do condomínio e ter suas funções claras tanto para ele próprio, quanto para os condôminos, evitando que este exerça funções como carregador de compras, encanador, eletricista, dentre outras que os desviem de sua função principal, que é garantir a segurança do acesso ao edifício, devendo ser treinado para evitar com educação solicitações inadequadas de auxílio.

O condomínio deve fazer constar em regulamento interno ou convenção, todas as funções dos porteiros e demais funcionários, evitando desvios de função que comprometam a segurança do edifício e mostra toda a importância da portaria.

O segundo ponto é fornecer ao porteiro uma ferramenta que lhe auxilie na identificação destas pessoas registrando o horário que entram o horário que saem e qual unidade do condomínio foram visitar.

Treinamentos constantes

Os porteiros de condomínios devem constantemente ser treinados para exercer as funções com profissionalismo e excelência, garantindo ao condomínio a segurança que é a principal finalidade para qual foram contratados. Os treinamentos podem ser realizados por empresas especializadas em segurança, pela administradora e encontros de síndicos e funcionários de condomínios. Treinamentos como de utilização de tecnologias e sistemas de controle de portaria também devem ser foco para capacitação dos porteiros e tudo deve também ser acompanhado pelo síndico, que deve ter conhecimento das atividades do porteiro e assim como ele saber como utilizar estas tecnologias que se expandem para o uso dos condôminos que interagem com as tecnologias para ter sincronia e comunicação com a portaria.

Sistema de controle de portaria

A tecnologia auxilia em muito a síndicos e administradoras a exercerem de forma pontual um controle sobre a segurança de seus condomínios, a partir do momento em que podem ajudar efetivamente os porteiros, melhorando o serviço que estes prestam. Além de obter um melhor controle do comportamento dos condôminos, demonstrando que as normas de segurança e acesso ao condomínio precisam ser seguidas a risca para melhor convivência de todos os moradores.

Conheça o aplicativo cliente online da Sami

A Sami Sistemas, empresa com 32 anos de experiência no mercado imobiliário oferece um sistema de controle de portaria, desenvolvido para proporcionar ao porteiro maior agilidade em seu serviço e transparência das informações do condomínio para os condôminos. Sendo possível, registrar os acessos a todas as unidades do condomínio, cadastrando no sistema os dados da pessoa que entra, horário que entrou e saiu, se esta pessoa é um visitante ou irá prestar um serviço ao condômino que pode autorizar previamente o acesso ao edifício, assim como o controle de veículos, câmeras e pets, fazendo um registro de todas as atividades das unidades e a partir do momento que o sistema passa a ser utilizado no condomínio, além do registro de ocorrências que um visitante eventualmente tenha gerado durante sua visita.

Um sistema de controle de portaria como o da Sami Sistemas, auxilia o porteiro a exercer suas atividades, permitindo que este registre todas as atividades que posteriormente podem ser consultadas pelo síndico, administradoras e outros porteiros que assumam a portaria em turnos diferentes, dando continuidade ao trabalho apenas acessando o sistema com seu usuário e senha.

Compartilhar

QUER RECEBER AS ÚLTIMAS NOVIDADES PARA O MERCADO IMOBILIÁRIO? INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here